27 outubro 2011

Flan de Chocolate com Canela

Finalmente vou colocar a respectiva receita. Tudo tem uma razão de ser, que neste caso foram duas. Esta receita foi retirada do meu livro "Cozinha Mexicana - Anne wilson", mas no dia que a fiz fiquei baralhada com as dosagens, meia chávena de leite, meia colher de chá de canela, uma chávena e um quarto de natas... Bem, fiz o meu melhor para contrariar estas medidas e adaptei as dosagens à minha maneira. E finalmente encontrei o livro que estava bem guardado numa gaveta no meu local de trabalho.

Ingredientes:
- 100g de açúcar
- 1 colher de café de canela em pó
- 150g de chocolate culinária
- 1 pacote de natas
- 4 ovos
- 250ml de leite
- margarina para untar

Preparação:
Numa caçarola de fundo grosso coloca-se o açúcar e a canela. Aquece-se em lume brando sem mexer até o açúcar começar a derreter. Depois de começar a derretar mexe-se até a cor ficar uniforme. Retira-se do lume e deixa-se arrefecer um minuto. Deita-se este preparado numa forma já untada com margarina vegetal. Numa caçarola à parte derrete-se o chocolate com as natas em lume brando. Retira-se do lume e reserva-se. Numa tigela bate-se ligeiramente os ovos com o leite e mistura-se  bem com o chocolate já arrefecido. Coloca-se na forma e vai ao forno  pré-aquecido  a 150ºC em banho-maria, sensivelmente 40 minutos, não dispensando a ténica do palito para ver se está cozido. Acompanha-se com rodelas de fruta.

Nota: Para os mais gulosos, aconselho a porem  mais açúcar. A flor que vêm na foto é duma malagueta que plantei e dá estas flores pequenas.

25 outubro 2011

Arrumar a Casa

Não estranhem mudanças. Mas também eu estou de limpezas aqui na minha cozinha. Há tempos que ando para fazer arrumações, mas a preguiça e o medo de mudar atormentam-me sempre. Lá estou eu a acomodar-me outra vez... Ganhei coragem e já está quase tudo a meu gosto. Até quando, não sei. Sou uma mulher como outra qualquer. Nunca estou satisfeita! Espero sim, não vos desiludir. Como sabem, estou sempre aberta a críticas e sugestões. Bjs a todas/os

24 outubro 2011

Salada Quente de Beterraba com Hortelã


E lá começaram as primeiras chuvas que deixaram um rasto de caos um pouco por todo o País. E se isto são as primeiras, imagino as próximas. Como de costume, não nos preparamos antecipadamente para as intempéries.

Ingredientes para 2 pessoas:
- 4 beterrabas
- 2 cenouras grandes
- 1 chalota
- 2 colheres de sopa de molho Worcestershire Sauce (Salsa Perrins)
- hortelã
- azeite
- sal e pimenta

Preparação:
Cozer em água e sal as beterrabas com a pele. Tirar a pele depois de cozidas e cortar grosseiramente aos cubos, reservar. Separadamente cozer as cenouras já descascadas e cortadas aos cubos grandes e reservar. Numa frigideira com um fio de azeite, alourar a chalota cortada às fatias no sentido longitudinal (depois rectifico que agora não me sai um "termo" melhor). Acrescentar o molho (também serve molho inglês) e saltear as beterrabas e as cenouras. Rectificar tempero de sal e pimenta moida na altura. Retirar do lume e acrescentar as folhas de hortelã a gosto. Servir quente.

19 outubro 2011

Puré de Batata e Espinafres com Pancetta

Muito se fala de crise, economia, cortes e muita tristeza nas nossas vidas. Eu cá estarei para pertencer à estatística e compor os números. O ano está a findar. E de pessoa optimista passei a pessimista sem prognóstico de cura a longo prazo. O meu ano foi difícil e com alguns equívocos estranhos em que me meteram. É um balanço terrível mas estou firme. Tratei com indiferença  as depressões, contornei obstáculos e isolei-me muito. Chorei a potes lágrimas que segurei muito tempo. Agora que faço o balanço, estou satisfeita. Estou em paz com a vida, com as pessoas e aceito tudo aquilo que me é proposto para ser feliz. Gosto de ajudar, gosto de amar as pessoas e de trata-las bem. Perdoar e nunca as perder. Quem de mim partiu, partiu de livre vontade...

Ingredientes e Preparação:
Cozer batatas em água e sal. Saltear espinafres em azeite e fritar na frigideira sem qualquer gordura algumas fatias de pancetta (bacon). Esmagar as batatas e misturar com os espinafres. Rectificar tempero de sal e pimenta. Colocar em formas com a pancetta cortada aos cubinhos. Ir ao forno alourar. Servir com delicadeza e imaginar o requinte, porque a vida é só uma e para o ano irá ser melhor. Vamos fazer muita força? Bjs a todas/os e desculpem a minha lamechice. Antes um desabafo que fechar mesmo para balanço.

18 outubro 2011

Arroz Doce Cremoso com Frutos Silvestres

E quem não gosta de arroz doce? Eu gosto! Já vi por aí muitas receitas e até já tinha uma na mira. Como não tinha os ingredientes todos, mudei de estratégia. O arroz é do mais simples e é assim que gosto de o comer.

Ingredientes:
- 150g  de arroz carolino
- 1 litro de leite (usei magro)
- 100g açúcar (usei amarelo)
- 1 colher de chá de essência de baunilha

Para a calda de frutos silvestres:
- 300g frutos silvestres
- 2 colheres de açúcar

Preparação:
Colocar o leite, a essência de baunilha e o arroz previamente lavado e escorrido num tacho e deixar até levantar fervura. Baixar o lume e ir mexendo várias vezes para não pegar no fundo. Quando o arroz estiver cozido, adicionar o açúcar, mexer bem e deixar apurar mais uns minutos.
Para a calda dos frutos silvestres, basta colocar os frutos numa caçarola com o açúcar e aquecer um pouco. Se forem congelados aconselho a descongelarem naturalmente e escorrerem o líquido primeiro. Depois é só colocar o arroz em taças individuais e os frutos silvestres por cima. Bom apetite!

17 outubro 2011

Pescada com Limão e Caril

Esta receita foi feita a pensar numa mulher algures em Oeiras que anda às avessas com o peixe. E vamos lá ver se ela aprova! Eu só digo que está dentro dos parametros actuais exigíveis. Económica, rápida de fazer e temos na maioria das vezes estes ingredientes em casa.

Ingredientes para 4 pessoas:
- 4 medalhões de pescada
- 1 dente de alho
- 1 colher de chá de caril em pó
- 1 limão pequeno
- 2 colheres de sopa de salsa picada
- azeite
- sal
- pimenta branca

Preparação:
Num tacho com um fio de azeite aquece-se o alho picado. Junta-se o caril mexendo um pouco. Logo a seguir o sumo do limão e dps a salsa. Junta-se a pescada e tempera-se de sal e pimenta. Cozinha-se em lume médio com a tampa, para ajudar a criar molho. Fácil?

13 outubro 2011

Bruschetta de Mozzarella com Espinafres e Fiambre de Frango

Mas que bom é chegar aqui e ter tantos miminhos vossos. Parece que muitas de vocês não têm conseguido comentar, e não desistiram, pois cheguei aqui de manhã e o meu coraçãozinho ficou todo animado com tanto carinho e atenção. Olhem que sou bem capaz de me habituar a isto!! Estou a ficar mimada!! E também super entusiasmada por não estarem a baixar os braços e pensarem no meu passatempo. Estou em pulgas!
Aproveito para vos dizer algo que me tem incomodado. É que últimamente não vos tenho dado receitas de pratos, tenho feito apenas pequenos "mimos" como lhes chamo. E hoje acordei a pensar nisto. Tenho cozinhado refeições leves e nada que ache que valerá a pena publicar. Estou perdoada? I hope so... Quanto ao mimo de hoje, todas/os já sabem da minha adoração pelas bruschettas. Esta é simples e saudável.

Ingredientes para 2 pessoas:
- 2 fatias de pão com sementes
- 1 bola de mozzarella
- 1 mão cheia de espinafres baby
- 6 fatias finas de fiambre de frango
- 1 alho
- orégãos
- azeite

Preparação:
Pincelar as fatias de pão com azeite de ambos os lados e  polvilhar com orégãos. Colocar no forno a  cerca de 150º e  alourar dos dois lados. Esfregar com o alho ainda quentes ou picar o alho e barrar no pão (foi assim que fiz). Colocar a mozzarella às fatias, os espinafres (crús) e as fatias finas de fiambre de frango. Polvilhar com orégãos e terminar com um fio de azeite. Para um jantar leve na companhia de uma sopa.  Bjs a todas/os.

12 outubro 2011

Pão de Sementes



Por vezes temos de contornar os obstáculos. Como dizia o senhor que inventou esta frase genial que eu cito muito: "A ética é estar à altura do que nos acontece".  Se o diabo tem amassado o meu pão, eu já lhe troquei as voltas e ando eu a amassar o dele! E nada melhor que comermos o pão saído das nossas mãos. Com esta farinha já preparada, só precisamos de juntar água, amassar e deixar repousar. Não tenho MFP mas o meu mini forninho tem dado conta do recado. E se nunca me deslidudir, continuará na minha cozinha até que a morte nos separe. Agora um conselho, voltando à famosa frase, tentem aplica-la em todas as situações e verão que ela não foi escrita em vão e até hoje continua na história. Bjs do coração para todas/os.

Amanhã aqui à mesma hora mais uma bruschetta, que foi para isso que fiz este pãozinho.

11 outubro 2011

Salada de Couve com Molho de Iogurte Grego


Poderá parecer estranho comer couve crúa, mas está garantido que é bom, crocante e serve perfeitamente para "desenrascar" um acompanhamento.

Ingredientes para 2 pessoas:
- 1/4 de couve coração (ou couve branca)
- 2 cenouras
- 1 cebola

Molho:
- 1 iogurte grego 
- 1 colher de café de sumo de limão
- vinagre balsâmico q.b.
- sal q.b.
- azeite q.b.

Preparação:
Sem grande descrição, é só cortar a couve em juliana, ralar a cenoura, e cortar a cebola às rodelas finas. Regar com um fio de azeite. À parte faz-se um molho com o iogurte, ao qual se adiciona sal, sumo de limão, um fio de azeite e vinagre balsâmico q.b. A simplicidade também merece o seu destaque.

08 outubro 2011

Mil Folhas de Abóbora e O Passatempo "Ajudem a Carla"

Agora é a  minha vez de lançar o pânico!
Aqui encontro sempre conforto e sei que vocês não me irão desiludir. Que este meu coração destroçado não aguenta mais desgostos. Todas as críticas são bem vindas. Usem da palavra, ela é vossa. Usem e abusem da criatividade. Surpreendam-me! Um miminho a mim também, pode ser? É muito simples. Esta receita foi um experiência no meio do caos. Não estava má, mas também não estava nada por aí além. Tem abóbora manteiga (rectificado por lapso pûs menina) que foi temperada com sal, 5 pimentas, sumo de limão e um fio de azeite de baunilha e grelhada. Foi salpicada com manjericão seco. Até aí tudo bem, ou seja, a partir daí tudo mal! Isto para dizer que preciso da vossa ajudinha para fazer um verdadeiro mil folhas de abobora manteiga todo cutxi cutxi como eu gosto. O céu é o vosso limite. Só precisam de incluir abóbora manteiga e manjericão, o resto estão por vossa conta. Pode ser? Uma ajudinha a mim?
O prémio é um simples livro de receitas práticas, mas vai com carinho seja para qual parte do planeta. Mesmo que morem em Marte.

Participem! Deixem o aqui o vosso link com a participação até dia 10 de Novembro, vá dia 11 que é dia de São Martinho. Bjs a todos

04 outubro 2011

Mexilhões na Caçarola

Esta  Foto também foi usada para participar no Passatempo "A Descobrir Portugal" do Continente 


Mais um petisco económico como se faz à moda dos Caparicanos ou Capariquenses, é só escolherem como gostam de dizer.

Ingredientes:
- 2kg de mexilhões
- 1 pimento verde
- 1 pimento vermelho
- 2 fatias de presunto
- 1 cebola
- 1 copo de vinho branco
- sal e azeite

Preparação:
Numa caçarola com azeite faz-se um refogado com a cebola picada, acrescenta-se os pimentos e o presunto cortados às tiras finas, deixa-se cozinhar um pouco e rega-se com o vinho. Deixa-se evaporar. Coloca-se os mexilhões lavados e "sem bigodes" (é assim que costumo dizer) na caçarola e uma pitada de sal e assim que abrirem retira-se do lume . É um petisquinho balato balatinho!

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...