29 setembro 2013

Pescada Com Açafrão e Tomilho Com Puré De Batata Caseiro

Na minha infância não fui grande apreciadora de pescada cozida. Ainda recordo quando a minha mãe fazia e eu ficava logo de trombas. E ela dizia: Põe maionese... E se era boa a maionese caseira. Mas eu ficava ainda mais de trombas. Os tempos mudam e mudou a minha vontade. Adoro pescada cozida, mas teimo em transforma-la como se quisesse roubar o papel que outrora fora da minha mãe. Não tenho razões para isso. Cá em casa todos gostam de pescada cozida. Simples e regada com um bom azeite. Mas eu... Eu teimo em fazer a pescada assim... E adoro... Adoro molhar o pão neste molho.

Ingredientes para 4 pessoas:
- 1 embalagem de pescada congelada para cozer (600g)
- 1 cebola às rodelas finas
- 1 dente de alho picado
- 1 folha de louro
- 1 colher de sopa de açafrão das Índias (curcuma)
- 3 hastes de tomilho fresco
- azeite q.b.
- sal q.b
Puré de batata:
- 1 kg de batatas
- 100 ml leite (usei magro)
- 1 noz de manteiga
- 1 colher de sobremesa de mostarda
- noz moscada q.b
- sal q.b.

Preparação:
Num tacho alourar a cebola, o dente de alho e a folha de louro. Adicionar o açafrão e misturar bem. Colocar a pescada previamente descongelada e temperada de sal, e com as hastes de tomilho por cima. Cozinhar em lume médio e com tampa, para criar molho. Se necessário acrescentar um pouco de água. Acompanhar com puré de batata caseiro, e para isso, basta cozer as batatas em água temperada de sal. Escorrer e voltar a colocar na mesma panela. Esmagar com um utensílio manual próprio. Adicionar o leite, a manteiga, a mostarda, uma pitada de noz moscada em pó, retificar de sal e envolver bem. Servir a pescada quente e com o puré de batata. Bom apetite! Bjs a todas/os.

24 setembro 2013

Cuscuz Picante Com Açafrão, Legumes E Bacon

Como eu adoro cuscuz... Sinto-me quase como se estivesse a comer "fast food caseiro" de tão rápido que é fazer. Bem mais rápido do que agarrar no carro e ir por aí empanturrar-me de má comida, embora por vezes saiba bem, mas só raramente, ok? 

Ingredientes para 4 pessoas:
- 300g de cuscuz
- 350ml de água a ferver
- 1 colher de café de açafrão das Índias
- 1 colher de sobremesa de coentros em grão
- 1 colher de sobremesa de alho e jindungo Espiga
- sal q.b.
- 70g de tiras de bacon
- 1 pimento vermelho sem sementes
- 1 pepino sem casca e sementes
- 3 tomates sem pele e sementes (usei tomate chucha)
- 1 cenoura sem casca
- 1 molho pequeno de coentros frescos
- 1 malagueta grande vermelha 
- azeite extra virgem q.b.
- vinagre de vinho tinto q.b.

Preparação:
Colocar a água a ferver juntamente com o açafrão, os coentros em grão, o alho e jindungo Espiga e sal a gosto. Colocar o cuscuz numa tigela e verter água (eu não retirei os grãos de coentros porque amolecem e quase nem se sente). Quando a água estiver toda absorvida separar os grãos com um garfo. Aquecer uma frigideira e tostar o bacon. Triturar no robot de cozinha, o pimento, o pepino, o tomate, a cenoura, os coentros frescos e a malagueta. Numa travessa ou taça grande misturar o cuscuz com os legumes triturados, um fio de azeite e vinagre a gosto. Depois de bem misturado acrescentar o bacon tostado. Bom apetite. Eu cá gosto muito, e podemos adaptar com os nossos legumes preferidos e ajustar as quantidades de cada um. Bjs a todas/os.

22 setembro 2013

Creme De Camarão Caseiro

Uma mãe leva satisfeita o filho para o regresso às aulas, e a escola devolve-me o filho doente.  Cá por casa quando o "piolho encardido" está doente, nós também ficamos "doentes" e também queremos comer canja na cama, também queremos pedidos especiais, como batatas fritas a acompanhar, etc. Acho que sou uma mãe privilegiada, pois que este puto com 39º de febre nunca perde a compostura e o seu sentido de humor que tanto o caracteriza. Agora para variar da canja sai um creme de camarão bem económico, bem simples e acima de tudo bem caseiro.

Ingredientes para 6 pessoas:
- 1 kg de camarão (usei um tamanho grande)
- 2 lt de água da cozedura 
- casca de uma cebola
- 1 colher de sobremesa de pimentão doce
- 2 colheres cheias de sopa de farinha de trigo ou amido de milho
- sal q.b
- molho picante q.b.

Preparação:
Cozer o camarão em água temperada de sal e a casca de cebola. Quando começar a ganhar uma cor opaca e rosada estão cozidos. Retirar os camarões e deixar arrefecer um pouco. Coar 2 litros da água da cozedura e reservar. Retirar as cabeças e a casca a todos os camarões. Triturar no robot de cozinha ou no liquidificador com um pouco do caldo reservado e coar.
Misturar a farinha numa taça à parte com um pouco do caldo reservado e mexer até dissolver bem. Levar o caldo reservado ao lume juntamente com a farinha dissolvida. Deixar ferver e ir mexendo até engrossar. Acrescentar o pimentão doce, molho picante e retificar de sal. Acompanhar com mini tostas ou croutons caseiros. Os camarões servirão para outra refeição. Bom Domingo!

17 setembro 2013

Figos Em Calda


E se ele for aos figos outra vez? Simples, faz-se figos em calda.

Ingredientes:
- 1kg de figos pequenos
- 600g de açúcar refinado
- 200ml de água
- 2 tiras de casca de limão
- 1 pau de canela

Preparação:
Lavar os figos e cortar a "ponta" mais rija. Colocar um tacho com água e quando estiver a ferver mergulhar os figos durante alguns minutos (sensivelmente 5 minutos). Escorrer bem. Levar um tacho ao lume com o açúcar, a água (200ml), as cascas de limão e o pau de canela. Deixar ferver até obter uma calda leve. Adicionar os figos inteiros e deixar ferver 30 minutos em lume moderado. Deixar arrefecer e retirar as cascas de limão e o pau de canela. Guardar em frascos esterilizados e encher até cima juntamente com a própria calda. Conservar no frigorífico. Eu acho que pode ser uma boa alternativa ao doce ou compota. Bjs a todas/os.

15 setembro 2013

Espirais De Queijo E Chourição



Estava aqui a pensar com os meus botões em como a minha família é louca e eu adoro-a na mesma. Setembro é um mês de grande azáfama e não é pelo regresso às aulas, pois que eu tenho essa parte organizada desde Junho, mas pela correria de aniversários. Em todos eles diverti-me como tenho direito e apesar de cansativos, eu estou sempre pronta a acolher a família, que apesar de, como todas as famílias, terem as suas quezílias, a minha mantém-se sempre unida, aliás acho que devo isso aos meus pais. Agora sou eu que os tenho de acolher e aconchegar com o meu carinho, depois de tanta coisa que eles já fizeram pelos 3 filhos e pelos 4 netos. Eles merecem tudo! Nas nossas festas de aniversários há regras tão tontas que no fundo tornaram-se as nossas regras e fazem parte do nosso contexto. Ora vejamos, cantamos os parabéns sempre desafinados e cada um canta o que lhe apetecer no meio, ultimamente nomeamos um maestro que fica a controlar o tom, e posso dizer que não é nada bom de ouvir, depois o aniversariante canta uma canção de agradecimento, morde as velas e pede um desejo, eu recuso-me a morder as velas e no meu aniversário decidi mastiga-las, o que me arrependo muito (para a próxima vou-me ficar só pelo: não quero!), depois o aniversariante vai para debaixo da mesa e dá o seu maior grito, e não bastasse a confusão, se alguém decidir que temos de cantar os parabéns a alguém que não os teve, repete-se tudo outra vez. O caos... A minha família é louca e eu adoro!  Para animar a festa levei os meus pães de queijo com bacon, apenas alterei o queijo da ilha ralado por queijo mozarella ralado e estas espirais que hoje apresento, receita melhorada desde a última vez que fiz em 2011. A criançada gosta sempre, e aqui a tia fica toda babada.

Massa:
- 200g de farinha de trigo tipo 65
- 100g de água
- 25g de azeite
- 1 saqueta de fermento padeiro seco (4,6g)
- 1 pitada de sal

Recheio:
- Ketchup q.b.
- óregãos secos q.b
- 100g de queijo ralado mozarella
- 50g de chourição cortado aos quadrados pequenos
- 1 gema de ovo para pincelar 

Preparação:
Colocar a farinha numa taça grande com uma pitada de sal. Abrir um buraco ao meio e adicionar o fermento. Verter a água e o azeite e mexer para dissolver bem o fermento. Amassar um pouco até a massa despegar das mãos. Tapar a taça com película aderente ou um pano grande e deixar levedar em local seco e quente, até duplicar o volume. Polvilhar a bancada de trabalho com farinha e amassar uns minutos. Estender a massa em retângulo. Barrar com o ketchup, polvilhar com os óregãos, adicionar por cima o queijo e o chourição. Enrolar como se fosse uma torta e cortar às fatias não muito grossas, com uma boa faca. Deixar repousar a massa mais uns minutos, já no tabuleiro de ir ao forno, forrado com papel vegetal e pincelar com a gema de ovo. Colocar no forno pré-aquecido a 180º, aproximadamente 25/30 minutos ou até estar cozida.  Boa semana a todas/os.

13 setembro 2013

Plágio Outra Vez!

O que mais me chateia nisto dos blogues, é haver "pseudósites" que sobrevivem do trabalho dos outros. E eu sou apenas uma singela rapariga com um singelo blogue e com uma singela máquina fotográfica e se eu consigo, porque raio estes sites fazem isto http://arrozdoce.info/arroz-doce-com-frutos-silvestres/#comment-123?

Aqui a minha fotografia original, alvo de alterações, mas percebe-se bem.


12 setembro 2013

Tiramisu

O Verão tem os dias contados, mas apesar disso, recebo sempre o Outono de braços abertos. Há uma série de coisas boas na mudança da estação. Cá por casa começa-se a planear outros programas e alternativas ao frio. É sempre bom partimos para outra e deixarmos para trás o que foi este Verão louco. Não morri de tédio, não me queixei da falta de recursos financeiros para ter aquelas férias paradisíacas e não parei um minuto, aproveitando cada dia ao máximo. E sim, foram as melhores férias de Verão de sempre. Percalços? Sim, houve alguns, mas cá estou eu para agarrar o touro pelos chifres. A felicidade constrói-se e para aqueles que pensam que ela chega até nós, sem mexermos uma palha, desenganem-se e levantem esse cú gordo do sofá!
E para terminar, adivinhem quem foi o meu melhor amigo nas férias? Não, não foi o vizinho do 2º andar, foi o café! E é por isso que eu adoro esta sobremesa. Eu sei, eu sei, a foto não está apelativa, nem sequer deixa espreitar o interior... Mas vão ficar aborrecidos com isso?

Ingredientes para 8 a 10 pessoas:
- 5 ovos (tamanho L)
- 5 colheres de sopa de açúcar (usei refinado) + para adoçar o café (opcional)
- 500g de queijo mascarpone
- 300ml de café forte 
- 1 cálice pequeno de rum ou brandy
- 400g de palitos de la reine
- cacau em pó q.b.

Preparação:
Separar as claras da gemas. Bater as gemas com o açúcar até obter uma gemada fofa e esbranquiçada. Sem parar de bater adicionar o mascarpone aos poucos, até ficar uma mistura homogénea e lisa. 
Bater as claras em castelo e adicionar lentamente ao preparado anterior. 
Fazer o café, adicionar o rum, adoçar a gosto e deixar arrefecer. Mergulhar os palitos um a um e dispor numa travessa grande. Alternar com o creme e por cima polvilhar com cacau. Repetir as camadas, ficando a última camada de creme. Levar ao frigorífico 3 a 4 horas. Na hora de servir polvilhar com cacau. Bom apetite!

07 setembro 2013

Mini Hambúrgueres

Já perdi a conta à quantidade de vezes que fiz estes mini pães. Desta vez decidi retirar o recheio de bacon e queijo e fi-los simples, para servirem de pão para estes mini hambúrgueres. A criançada adora e eu também adoro mima-los. A receita podem vê-la aqui, basta só retirarem dos ingredientes, o bacon e o queijo, fazerem os mini hamburgueres com carne picada mista (porco e vaca) temperar de sal e frita-los num pouco de manteiga ou azeite. Decorar com azeitonas e bom apetite!

03 setembro 2013

Doce De Figos



Ele foi ao figos e não voltou com figos, ele trouxe a figueira e eu? Eu fiz doce de figo.

Ingredientes:
- 1kg de figos
- 600g de açúcar
- 100ml de água
- 2 tiras de casca de limão
- 1 pau de canela

Preparação:
Lavar os figos, cortar ao meio e depois em quartos (com casca). Colocar os figos num tacho com os restantes ingredientes. Deixar cozer em lume brando até fazer o ponto estrada, ou seja, quando colocar uma pequena quantidade de doce num prato e passar com a ponta da colher e formar uma estrada é porque está pronto. Triturar com a varinha mágica ou no liquidificador. Deixar arrefecer um pouco e colocar de imediato o doce em frascos esterilizados até ficar bem cheio. Tapar e virar ao contrário uns minutos para criar o vácuo natural. Bjs a todas/os.

02 setembro 2013

Bife De Atum Grelhado


De vez enquanto podemos fazer uma excentricidade e acrescentar à lista de compras um miminho. Há que tempos que eu não comia um bife de atum e apesar de ter andado às voltas a pensar como cozinha-lo, acho que não me sai nada mal.

Ingredientes para 2 pessoas:
- 2 bifes de atum fresco
- 1 cebola picada
- 1 colher de chá de tomilho seco
- sumo de meio limão
- 2 colheres de sopa de vinho branco
- sal q.b.
- azeite q.b.
- 2 tomates maduros pelados e picados
- 2 colheres de sopa de polpa de tomate
- coentros frescos picados q.b. para decorar

Preparação:
Fazer uma marinada com a cebola, o tomilho, o sumo de limão, o vinho branco, sal e azeite. Colocar os bifes de atum e deixar marinar uns minutos de ambos os lados. Retirar o excesso da marinada e grelhar na chapa bem quente. Assim que ganhar uma cor opaca, está na altura de virar, para que não fiquem secos. Colocar a marinada num tacho pequeno com mais um fio de azeite. Adicionar o tomate e a polpa de tomate e deixar apurar uns minutos. Se necessário acrescentar um pouco de água. Servir os bifes quentes com o molho por cima e polvilhar com coentros ou salsa a gosto. Acompanhar com batatas e brócolos ou outros legumes. Boa semana a todos!

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...