07 julho 2015

Caracoletas assadas com molho de manteiga, mostarda e salsa seca

Hoje sai mais um petisco da minha cozinha. Pode fazer alguma impressão a cozinhar, mas temos de ser duros, como dizia o outro. Mas não se preocupem que quando puserem as caracoletas no grelhador, não as vão ver a fugir a todo o vapor, é para isso que as colocamos primeiro no sal grosso  para elas irem para dentro. Aconselho a não as deixarem no sal demasiado tempo, pois se o fizerem, elas ainda produzirão mais viscosidade, apenas deixem o tempo suficiente para elas recolherem. Se bem que dizem que esse é o truque, mas eu dispenso essa parte, pelo menos em casa. Gosto de ir pincelando com o molho quando estão a grelhar, mas se preferirem, sirvam-no à parte.


Ingredientes:
- 1 kg de caracoletas
- sal grosso q.b.

Para o molho:
- 2 colheres de sopa de manteiga derretida
- 2 colheres de sopa de mostarda
- 1 colher de sopa de salsa seca
- sumo de limão q.b.

Preparação:
Preparar o molho juntando todos os ingredientes.
Lavar cuidadosamente as caracoletas em várias águas. 
Colocar uma boa quantidade de sal grosso num prato grande ou tabuleiro e passar todas as caracoletas no sal para que elas recolham. 
Entretanto, levar ao lume baixo, um grelhador de fogão e mesmo antes de aquecer, coloca-las lado a lado de cabeça para baixo. Deixar cerca de 15 minutos ou mais, dependendo do tamanho e do lume. A seguir virar ao contrário e ir pincelando com o molho. Servir de imediato com uma cerveja bem fresquinha. Bom apetite!

6 comentários:

  1. Que bom aspeto que tem! Como sabes por aqui não há o hábito de consumir caracóis, só a tradicionais lapas e amêijoas da Caldeira, mas tenho imensa vontade de experimentar caracóis! Até posso não gostar mas que quero experimentar, quero! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então fazemos uma troca, eu envio-te uns caracóis e tu mandas-me umas lapas que eu também nunca comi e tenho curiosidade. bjs

      Eliminar
  2. Eu não sou lá muito fã de caracóis mas vou comendo... Já os meus Homens adoram e as tuas ficaram com um aspecto saboroso.

    Beijinhos,
    Clarinha
    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2015/07/bolo-de-melao-e-coco.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Clarinha pelo teu simpático comentário. Um beijinho.

      Eliminar
  3. Boa noite. Como é que sabemos que as caracoletas já estão boas para comer?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana, só agora vi este comentário. Bem, eu uso o meu instinto. Depois do tempo que falo na descrição da receita, provo sempre uma e vejo se necessita de mais tempo ou não. Estas caracoletas não eram daquelas mesmo gigantes, mas se comprar dessas o tempo de cozedura aumenta claro.

      Eliminar

Comentem e critiquem à vontade. Estou aqui para partilhar e também para aprender. Apenas não serão publicados comentários sem serem assinados e desprovidos de sentido.

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...