12 dezembro 2016

Massada de bacalhau, camarão e argolas do mar

Para eles não há melhor maneira de comer bacalhau que não seja cozido com grão, cebola e coentros picados por cima. Que enfadonho (por quererem sempre o mesmo)... Por isso decidi dar ao lombo que me cabia, um destino bem diferente. Foram feitos dois almoços no mesmo dia. O enfadonho para eles e uma massada tão boa para mim, que mimei com camarões e argolas do mar. Quando os chamei para a mesa ficaram ali a olhar de esguelha para o meu prato. E que cheirinho que saía do meu prato. Houve ali um certo olhar de repreensão para a cozinheira, mas para a próxima que pensem duas vezes antes de me pedirem sempre o mesmo bacalhau cozido com grão.
Uma massada que se faz sem grandes complicações. Gosto de usar as cascas do camarão e depois triturá-las e isso dá um sabor extra ao caldo, aliás muito caldo para que a massa não fique seca e quase se possa comer à colher, e no dia a seguir levar para almoçar no trabalho e estar melhor ainda. São servidos? Ou preferem cozido com grão?

Ingredientes para 2 pessoas:
- 1 lombo de bacalhau já demolhado
- 4 camarões grandes
- 1200 ml de água da cozedura
- azeite q.b.
- 1 folha de louro
- 1 cebola picada
- 1 dente de alho picado
- 3 tomates pelados picados e um pouco do suco (usei em conserva)
- 1 colher de chá de pimentão doce
- 1/2 pimento vermelho cortado aos cubinhos
- 100ml de vinho branco
- 150g de massa cotovelinhos
- 200g de argolas do mar
- sal grosso q.b.
- piri-piri moído q.b.
- coentros frescos q.b.

Preparação:
Cozer o bacalhau e o camarão (retirar o camarão assim que ficar com uma cor opaca). Reservar a água.
Retirar a pele e espinhas ao bacalhau e dividir em lascas. 
Descascar o camarão reservando a casca e as cabeças. Triturar (as cascas e cabeças) no robot de cozinha com 1200ml de água da cozedura. Passar pacientemente pelo passador chinês.

Levar um tacho grande ao lume com um fio de azeite e a folha de louro. Juntar a cebola e o alho e refogar ligeiramente. Acrescentar o tomate e um pouco do suco, o pimentão doce, o pimento vermelho e deixar reduzir. De seguida refrescar com o vinho, em lume alto para evaporar o álcool.

Adicionar o caldo já coado ao tacho e deixar até levantar fervura. Assim que levantar fervura juntar a massa. Quase no final da cozedura adicionar as argolas do mar e o bacalhau. Temperar de sal e piri-piri e deixar apurar um pouco destapado. Servir de imediato polvilhado com coentros. Bom apetite!

6 comentários:

  1. Prefiro assim! Com grão é bom mas assim é muito melhor! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim é que é falar! Está dois a dois eheheh.bjs

      Eliminar
  2. Adoro pratos de massa.
    A tua sugestão ficou com ótimo aspecto.

    Beijinhos,
    Clarinha
    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2016/12/omoleta-de-espinafres-com-queijo.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Clarinha! beijocas e boa semana.

      Eliminar
  3. A massada é muito melhor, um prato bastante reconfortante!!!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já estamos a ganhar ;). bjs e boa semana

      Eliminar

Comentem e critiquem à vontade. Estou aqui para partilhar e também para aprender. Apenas não serão publicados comentários sem serem assinados e desprovidos de sentido.

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...