24 maio 2017

Salada de tomate, pimentos assados e cavala (temperada com salicórnia)


A Joana do Limited Edition desafiou-me a fazer uma receita saudável e eu nunca digo não a um bom desafio.

Eu gosto de comer. Gosto mesmo, embora ninguém leve a sério esta mulher franzina que parece que faz uma dieta diária rigorosa para manter a linha.
Nada disso, apenas fui abençoada com uma boa genética, e até costumo dizer em tom de brincadeira que por dentro estou bem gordinha.

A comida para mim tem um lugar especial e cativo na minha vida que gira quase tudo à volta dela. Qualquer motivo é bom para sentar todos à minha mesa e festejar com imensa comida.
Não digo que não a nada. Gosto de tudo. Aprendi a apreciar cada prato, até mesmo aqueles que em jovem abominava. É assim que tento educar o palato dos meus rapazes. Ensiná-los a aceitar cada ingrediente, independentemente do seu sabor ou da sua textura. Todos têm o seu lugar na nossa alimentação.

Comer de forma saudável é tudo uma questão de equilibro para mim. Se ontem abusei com um bom cozido à portuguesa, hoje vou colocar na mesa um peixe cozido com legumes.
Gosto de ingredientes de boa qualidade, gosto de fazer boas escolhas, o que nem sempre é fácil para o orçamento mensal familiar. Com afinco e boa vontade podemos sempre mudar a nossa alimentação com pequenos gestos, mesmo que seja só algumas vezes durante o mês. 

Evitar produtos processados, escolher peixe de mar, comer mais carnes brancas, utilizar mais o azeite na confeção dos pratos em vez de óleo, ou escolher um óleo melhor, por exemplo o óleo de coco, frutas e legumes biológicos quando estão a um bom preço, e nos doces e sobremesas utilizar mais o mel, o açúcar de coco, adoçar com frutos secos, etc.

Venho de uma família de hipertensos e uma das minhas grandes preocupações é o sal em excesso. Por isso tudo o que sai da minha cozinha tem além de outros, esse cuidado especial com o sal.
Elaborei uma salada bem simples e fresca, temperada com salicórnia e um bom azeite, e na hora de escolher a conserva, decidi pela cavala em conserva de azeite. Uma salada sem presunções e muito honesta.

Ingredientes:
- 1 pimento verde
- 1 pimento vermelho
- 6 tomates diversos (rama, rosa, chucha)
- 1/2 cebola roxa
- 1 lata de filetes de cavala em conserva de azeite
- 80g de salicórnia fresca
- azeite q.b.
- vinagre balsâmico q.b.
- orégãos secos q.b.

Preparação:
Assar os pimentos, retirar a pele e sementes e cortar às tiras. Cortar o tomate e a cebola em meias luas e depois em fatias. Escorrer o azeite das cavalas. Na taça de servir colocar o tomate, os pimentos, a cebola e as cavalas partidas aos pedaços. Temperar com a salicórnia grosseiramente picada, um fio de azeite, vinagre balsâmico e orégãos a gosto. Bom apetite!

8 comentários:

  1. A saladinha é mesmo a minha cara! E quanto à alimentação, sou como tu! Gosto de tudo, não consigo dizer que não a nada! Só não fui abençoada com uma genética boa como a tua, costumo dizer que engordo com o ar! Mas com equilíbrio tudo fica bem! Quanto ao sal, sempre tive por hábito usar muito pouco! O primeiro quilo de sal que veio cá para casa foi comprado pela minha mãe e um ano depois quando ela voltou para cozinhar, o frasco ainda nem ia a meio! beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se eu engordasse com o ar, mais aquilo que como em exagero, isto não ia acabar bem não ;). Isso é que foi render o sal, e muito bem rendido, só vos fez foi bem. beijoca

      Eliminar
  2. Ficou com um aspecto fenomenal, as cores chamam por nós!
    Beijinho
    asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo tão simpático elogio. beijinhos.

      Eliminar
  3. Uma salada fantástica! Uma pergunta, onde encontras a salicórnia? Nunca encontrei à venda e ainda não pus os pés ao caminho para a ir apanhar à praia... :-P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha esta trouxe-me o meu marido das salinas do Samouco já embalada, mas já a vi num supermercado, penso que foi o pingo doce.

      Eliminar
  4. Obrigada por teres aceite o meu desafio. Fico feliz que a tua salada de cavala e a utilização de ingredientes locais e sazonais tenham encerrado o #desafioreceitasaudável, porque é precisamente sobre estas temáticas que o desafio apareceu.
    Beijinho

    ResponderEliminar

Comentem e critiquem à vontade. Estou aqui para partilhar e também para aprender. Apenas não serão publicados comentários sem serem assinados e desprovidos de sentido.

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...