28 janeiro 2016

Galo guisado com pimento, cenouras e batatinhas cozidas

Um dia destes chegou à minha cozinha um galo, já preparado, cortado aos pedaços, sem o grosso das peles e caseiro, que é sempre o que chama a atenção de quem adora isto de cozinhar. Pois bem, a parte mais difícil estava feita e não havia como complicar. Cozinhar galo também não havia de ser assim tão difícil. Liguei à mamãe e em conjunto fomos esboçando a receita. "Põe vinho tinto, mas põe branco também que dá mais sabor, não te esqueças do pimentão doce, do limão e do louro, ai e os alhos também. Deixa de um dia para o outro e vai mexendo o alguidar". E assim foi, saiu um galo do meu tempero com as dicas da mãe e bem saboroso. O "piolho encardido" adorou sem fazer perguntas e o "mais-que-tudo" desconfiou e a medo foi comendo. Achava ele que era qualquer coisa tipo cabidela e o sangue na comida não é o seu forte. É para fazer com tempo e amor.

Ingredientes para 3 pessoas:
Para temperar o galo:
- 1 galo caseiro cortado aos pedaços e sem as peles maiores (cerca de 1,5kg)
- 4 dentes de alho grosseiramente picados
- sal grosso q.b.
- 1 colher de chá de pimentão doce
- 1 colher de chá de tomilho seco
- 1 limão pequeno (raspa e sumo)
- pimenta preta moída q.b.
- azeite q.b.
- 2 folhas de louro
- 1 copo de vinho branco (cerca de 200ml)
- 1 copo de vinho tinto (cerca de 200ml)
Para o guisado:
- 1 cebola grande picada
- azeite q.b.
- 1 pimento vermelho cortado aos cubos
- 1 copo de água (cerca de 200ml)
- 2 cenouras cortadas às rodelas
- sala fresca picada q.b.
Para acompanhar:
- batatinhas cozidas q.b.

Preparação:
Fazer um piso no almofariz com o alho e o sal. Acrescentar o pimentão doce, o tomilho, a raspa e sumo de limão, pimenta e um pequeno fio de azeite. Misturar bem e untar cada pedaço de carne com esta pasta.

Num alguidar ou numa taça grande colocar o galo e os restantes ingredientes para o tempero, tapar com película aderente e deixar no frigorífico de uma dia para o outro, mexendo algumas vezes para que todos os pedaços tomem o gosto da marinada.

Num tacho grande fazer um refogado leve com a cebola e um fio de azeite (não é necessário muito). Retirar e escorrer os pedaços de carne da marinada e fritar ligeiramente de ambos os lados no refogado. Acrescentar todo o liquido da marinada, o pimento e a água. Deixar cozer tapado em lume moderado cerca de 1 hora. A meio destapar para apurar o molho e acrescentar as cenouras. Na hora de servir polvilhar com salsa picada e acompanhar com batatinhas cozidas. Bom apetite!

6 comentários:

  1. A minha mãe cozinha galo muitas vezes. Galo e galinha caseira não se comparam com frangos de compra. Tenho a certeza que esse ficou bem saboroso! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E eu tenho a certeza que gostaria de experimentar a receitinha da tua mãe ;) bjs e bom fim-de-semana.

      Eliminar
  2. Que rico bichinho e tão cheio de amor estava com certeza uma delicia!
    Beijokas grandes ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não deu trabalho nenhum, a marinada fez tudo sozinha. E como já não cantava melhor ainda:). bjs Dulce e bom fim-de-semana.

      Eliminar
  3. Nunca comi galo assim. Deve ter ficado fantástico. Mnham..
    Bjinhos

    Tânia Tiago
    Bimby & Sabores da vida

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu gostei, e já estou desejosa de fazer outra vez para ter a certeza que estava mesmo mesmo bom. E nada como repetir as receitas :). bjs e bom fim-de-semana.

      Eliminar

Comentem e critiquem à vontade. Estou aqui para partilhar e também para aprender. Apenas não serão publicados comentários sem serem assinados e desprovidos de sentido.

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...